Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
blogsobrecontrolandopeso09

Passo A Passo Pra Desenvolver Uma Máquina De Vendas Previsível


Centenas de pessoas viajam no mesmo avião mas nem ao menos todas pelos mesmos motivos. Alguns vão a passeio, outros a trabalho, uma quota vai para outro destino. Em comum o acontecimento de estarem na mesma aeronave e de confiarem (e dependerem) da tripulação. Num fundo imobiliário milhares de cotistas participam do mesmo veículo de investimento, uns com interesses em renda, outros em ganho de capital, uma fração “descerá” pela primeira oportunidade de lucro e outros seguirão com destino no decorrer tempo.


Em comum o episódio de estarem no mesmo fundo e de confiarem (e dependerem) dos administradores e gestores. Apesar de deixar o comando da aeronave por conta do piloto, co-piloto e engenheiro, todos param o que estão fazendo logo que o comandante começa a tratar. Todos gostam de saber se as coisas irão bem, seguindo como o planejado, ou se enfrentarão turbulências.


O piloto de um FII é o gestor e, tal qual o piloto da aeronave, comunica aos seus cotistas como anda a situação do fundo por meio dos relatórios gerenciais, normalmente uma vez por mês. Contudo não é sempre que os cotistas dão a devida atenção aos relatos do comandante. A instrução CVM 472, que regula os FII, diz que o cotista tem uma única obrigação que é pagar pelas cotas que subscrever. Eu incluiria uma segunda atribuição: ler os relatórios gerenciais. Creio que o mínimo que um investidor deveria fazer é visualizar o que vem sendo feito do teu próprio dinheiro e a maneira mais descomplicado de fazê-lo é olhando os relatórios mensais. Quanto mais informação melhor (leia assim como transparência gera valor).

  • Mostre o seu recinto de serviço
  • Episódio 354
  • Doar brilho no chão depois de encerar
  • Home de Videos
  • Edson carvalho citou: 31/07/12 ás 06:Vinte e quatro

E são nossas as suas emoções. Tuas lágrimas e suor, seus músculos cansados. E todos os seus sorrisos de entusiasmo e euforia. Somos nós lá também. SEXTA-FEIRA - 20 de abril - 20h … Blubell canta Álbum Branco … Comemorando os 50 anos da estreia do Álbum Branco, dos Beatles, a cantora, compositora (e beatlemaníaca) Blubell faz show em homenagem aos fab four. Com o trio Richard Ribeiro (bateria), Bruno Serroni (cello) e Zé Ruivo (teclados), ela relê canções como Blackbird, Revolution, While My Guitar Gently Weeps, Long Long Long (que ela gravou com o trio BlackTie) e Happiness is a Warm Gun. 60. No Tupi or not Tupi, à rua Fidalga, 360. No encerramento de 2016 estive no show de lançamento do cd, ‘Confissões de Camarim’ (nesse lugar, o álbum completo).


Olhe o que neste momento escrevi a respeito ela. Uma exibição de Blubell cantando Beatles não é coisa que se perca. Estou ouvindo sem parar o cd ‘Confissões de Camarim’, da Blubell (especialmente a música ‘Cosmos’) e gostaria de apresentar mais muitas coisas a respeito do jeito dela compor. As músicas soam familiares, parecem saídas de um passado que vivenciamos. Trazem um arrepio nostálgico, uma saudade que não sabemos de quê, uma quase sensação de felicidade. Nos remetem a um oásis em meio ao concreto, um recanto recém-descoberto onde a alegrias e afetos estão preservados.


Memórias de épocas que nem conhecemos, contudo nos sentimos fração. Somos levados até lá pelas mãos magas da arte, na voz de Blubell. No dia 14 de março, portanto, há cinco semanas, a vereadora Marielle Franco (PSOL), de 37 anos, foi assassinada no bairro da Lapa, no Rio. Ela era relatora da Comissão dos Direitos Humanos que acompanhava a intervenção no RJ. Havia feito denúncia contra abusos policiais e voltava de um evento com jovens negras quando foi baleada. Anderson Gomes, motorista do carro em que ela estava, bem como foi executado.


Protestos e manifestações contra o bárbaro crime se repetem diariamente em numerosas cidades brasileiras (inclusive no Sarau da Maria, de sábado passado). Marielle lutava por justiça, inclusão e igualdade de direitos. Defendia as causas que todos nós, artistas e coletivos dos saraus, assim como defendemos. Esse site continua aguardando o esclarecimento do caso e a punição dos assassinos.

Tags: blog

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl